Principal Matérias Velocidade no Asfalto Fórmula Truck arrecada alimentos em Cascavel

Fórmula Truck arrecada alimentos em Cascavel

A etapa de encerramento da temporada será disputada no próximo domingo, em Cascavel, na região Oeste do Paraná

A Fórmula Truck encerra uma temporada empolgante, arrecadando alimentos que serão doados ao Provopar

A Fórmula Truck encerra a temporada 2022 no próximo domingo (4), no Autódromo Zilmar Beux, em Cascavel, na região Oeste do Paraná. Os aficionados à modalidade de Cascavel e região que forem ao autódromo verão um grande espetáculo e ainda irão ajudar as entidades assistências da cidade. A categoria está arrecadando alimentos com os ingressos.

Gilberto Hidalgo, presidente da categoria, diz que os ingressos populares custarão R$ 10,00, mais alimentos até o valor de R$ 40,00. Mas a rede de supermercados Muffatão darão os ingressos aos clientes com compras superior a R$ 150,00. Os ingressos também poderão ser retirados de graça (bastando apenas levar os alimentos) em todas as concessionárias de caminhões de Cascavel. Na bilheteria do autódromo, o torcedor pagará os R$ 10,00 e mais os alimentos. “Estamos fazendo uma ação social no encerramento da temporada. A meta é arrecadar 50 toneladas de alimentos, que serão doados ao Provopar”, informa Gilberto Hidalgo.

Decisão

Com o catarinense Rogério Agostini campeão antecipada da categoria Eletrônico, a Fórmula Truck encerra a temporada com a decisão da categoria Bomba Injetora

Matematicamente três pilotos estão na briga pelo título, com um duelo entre os irmãos paranaenses Márcio e Luís Paulo Rampon, contra o catarinense Túlio Bento. Márcio é o líder do campeonato, com 198 pontos. Bendo é o vice-líder, com 169, enquanto que Luís Paulo Rampon é o terceiro colocado, com 160 pontos.

Já na categoria Eletrônico, Rogério Agostini é campeão antecipado, com 210 pontos. A disputa em Cascavel será pelo título de vice-campeão. Correndo em casa, Pedro Muffato tem 154 pontos e terá como adversários os paranaenses João Helder Mottin (151 pontos) e João Batista M. dos Santos Filho (142); e o paulista Dario do Amaral Silva (125 pontos).

A Fórmula Truck tem promoção e organização de Gilberto Hidalgo, supervisão das federações do Paraná, Rio Grande do Sul e São Paulo; patrocínio da JK Tyre e Silvercap, e apoio da Volparts, Meritor, Eckisiel e Platodiesel.

Classificação da Fórmula Truck após sete etapas

Categoria Bomba Injetora

1º) Márcio Rampon (Curitiba-PR), com 198 ponto

2º) Túlio Bendo (Ermo-SC), 169

3º) Luís Paulo Rampon (Curitiba-PR), 160

4º) Gilmar Mottin (Adrianópolis-PR), 123

5º) Rafael Fleck (Porto Alegre-RS), 122

6º) Camilo Daniel Lovato (Almirante Tamandaré-PR), 102

7º) Lazaro “Zetti” Donizete (São João da Boa Vista-SP) , 97

8º) Felipe Fraguas (Santos-SP), 90

9º) Geraldo Alves de Lima (São Paulo-SP), 82

10º) Cleber Fonseca (Cascavel-PR), 34

11º) Valter de Oliveira (Guarujá-SP), 28

11º) Gilberto Rabelo (Porto Alegre-RS), 28

12º) Brayan Ruan (Curitiba-PR), 25

13º) Sidnei Alves (São Paulo-SP), 23

14º) Geovani Ferreira dos Santos (Katueté/Paraguai), 22

15º) Toninho “Jacaré” Montoya (Sumaré-SP), 16

16º) Leonardo Barramacher (Balneário Camboriú-SC), 10

17º) José Newton Ficagna (São Miguel do Iguaçu-PR), 0

17º) Lisarb Benato (Canoas-RS), 0

17º) Edivan Monteiro (Cascavel-PR), com 0 ponto

 

Categoria Eletrônico

1º) Rogério Agostini (São Miguel do Oeste-SC), com 210 pontos

2º) Pedro Muffato (Cascavel-PR), 154

3º) João Helder Mottin (Curitiba), 151

4º) João Batista M. dos Santos Filho (Colombo), 142

5º) Dario do Amaral Silva (Pindamonhangaba-SP), 125

6º) Álvaro Bendo (Ermo-SC), 116

7º) Alex de Andrade Vieira (Santos-SP), 97

8º) Márcio Francisco da Rosa (Canoas-RS), 91

9º) Leonardo Aurich Barramacher (Balneário Camboriú-SC), 67

10º) Ramiris Fontanella (Lauro Muller-SC), 58

11º) Jorge Maurício Ribeiro (Pelotas-RS), 42

12º) Márcio Limestone (Colombo-PR), 31

13º) Cristina Rosito (Porto Alegre-RS), 25

14º) Vandercesar Aparecido Penques (Ponta Grossa-P), 23

15º) Sandro Abelardo Pinheiro (Itapema-SC), 13

16º) Robson Oliveira (Curitiba-PR), 10

17º) Nilton Jacobsen Filho ((Katueté/Paraguai), com 0 ponto

Crédito da foto: Vanderley Soares/Divulgação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

De contrato renovado, André Negrão tenta novo título pela Alpine no WEC

Brasileiro já realiza testes nesta quarta-feira, na pista de Portimão, Portugal O paulista…