Mudanças nas categorias Mirim, Cadete, Júnior Menor e Júnior são primeiro passo rumo às regras exercidas pelos campeonatos da FIA. Graduados também não terá mais a divisão A e B

RNK 2022 traz novidades (Eni Alves)

A Confederação Brasileira de Automobilismo, por meio da Comissão Nacional de Kart, divulgou nesta quinta-feira (dia 13) o Regulamento Nacional de Kart (RNK) de 2022.

O documento traz todas as regras técnicas e desportivas que deverão ser seguidas ao longo do ano nos campeonatos nacionais e como recomendação nos regionais.

Entre as novidades no RNK deste ano estão as mudanças nas idades de algumas categorias, especialmente as de pilotos mais novos. Na Mirim, os kartistas poderão ter entre 7 e 9 anos completados em 2022, ao invés de 7 a 8 anos como no passado.

A Cadete acolherá pilotos entre 8 e 11 anos (não mais 9 a 11 anos). A Júnior Menor será destinada a pilotos entre 11 e 12 anos (anteriormente ia de 11 a 13 anos) e a Júnior sobe para pilotos entre 12 e 15 anos e não mais 11 a 15 anos.

Outra mudança é a junção da Graduados A e B, que volta a ser uma categoria única.

“Todas essas modificações são o primeiro passo que tomamos em direção ao que a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) já pratica em seus principais campeonatos e está alinhado com as diretrizes do Giovanni Guerra, presidente da CBA. Com a equivalência de idades, os nossos pilotos podem se preparar melhor para disputas nacionais e também internacionais”, explicou Rubens Carcasci, presidente da CNK.

Confira o Regulamento Nacional de Kart 2022:
https://www.cba.org.br/upload/downloads/467/regulamento-nacional-de-kart-2022-.pdf

Para mais informações, acesse www.cba.org.br

Fonte: Fernanda Gonçalves

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja também

Com dois pódios no Skusa Supernationals XXV, Danillo Ramalho encerra brilhante temporada no kartismo norte americano

Conquistas em Las Vegas, celebrou ano vitorioso junto aos títulos do Skusa Winter Series, …