Principal Matérias Velocidade na Terra Brasileiros chegam em sexto em dia de vitória da realeza no Dakar. Veja vídeo

Brasileiros chegam em sexto em dia de vitória da realeza no Dakar. Veja vídeo

6 minutos para ler
0
8

Liderança na categoria UTV também mudou de mãos. Agora os ponteiros da prova são os poloneses Aron Domzala/Maciej Marton

Varela e Maykel subiram duas posições na classificação geral (José Mario Dias/Fotop)

Os brasileiros Reinaldo Varela/Maykel Justo terminaram no sexto lugar a disputa de hoje (8) na categoria UTV durante a 43ª edição do Rally Dakar, na Arábia Saudita. Depois de ter liderado na quinta-feira e verem a vitória escapar devido a uma série de três pneus furados pelas rochas afiadas da região de Al Qaisumah, hoje a dupla da equipe Monster Energy Can-Am completou o percurso de 618km compreendido entre Al Qaisumah e Ha’il relativamente sem problemas. “Nos últimos 60km tivemos que reduzir o ritmo, mas o importante é que chegamos ao final”, disse Varela, que estava em terceiro até aquele ponto da prova.
A vitória hoje ficou com o príncipe Khalifa Al Attiyah, do Qatar, que tem como navegador o italiano Paolo Ceci. O piloto é irmão mais novo do também príncipe Nasser Al Attiyah, que já venceu o Dakar três vezes na categoria Carros. Com o resultado desta sexta-feira, os poloneses Aron Domzala e Maciej Marton assumiram a ponta na classificação geral, superando os chilenos Francisco Lopez Contardo/Juan Pablo Vinagre, que até então ocupavam o primeiro lugar. Varela e Maykel também progrediram, subindo da oitava para a sexta colocação no acumulado da prova.

Dakar chega à metade – 
Neste sábado o Dakar faz sua única parada para descanso, em Ha’il, para depois enfrentar mais seis dias de prova – ou seja, a segunda metade do rally. No total, os competidores ainda têm pela frente 3.617km, sendo 2.389km de especiais – trechos cronometrados em alta velocidade, onde ocorre a corrida propriamente dita.
“Dia de descanso é somente um nome que deram pra esse sábado. Por que na verdade ninguém vai descansar”, diz Reinaldo Varela. “Será um dia de revisão do equipamento, de reunião de planejamento da estratégia levando agora em consideração os resultados da primeira metade do Dakar. Será também um dia de reflexão, de tentar identificar possíveis erros para que não se repitam na parte final da prova. Ainda há muito o que conquistar no Dakar deste ano”, resume o piloto da equipe Monster Energy Can-Am.
“Se quer saber, depois de mais de quatro mil km que já percorremos, estamos cansados sim! Faz parte”, completa Maykel Justo. “Mas até o dia 15 de janeiro, nosso foco é 100% a corrida e todo o trabalho que ela exige”, finaliza o navegador.

Dakar em resumo – Disputada inteiramente na Arábia Saudita, a 43ª edição do Dakar terá em seus 7.646km um total de 4.767km de especiais – trechos cronometrados em alta velocidade. Os restantes 2.879km são correspondentes aos deslocamentos entre os pontos de largada e chegada em cada um dos doze dias. O roteiro da prova começa e termina Jedá. Reinaldo Varela e Maykel Justo também contam com apoio de Norton, Divino Fogão e Motul.

Vídeo – Veja neste link imagens dos brasileiros no deserto saudita. A cena mostra justamente o momento da ultrapassagem de um caminhão que disputa o Dakar.

Contatos
Rodolpho Siqueira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Dakar termina amanhã com Guiga Spinelli e Youssef Haddad mostrando superação entre os carros

Penúltimo dia de competições nesta quinta-feira foi novamente marcado por muita superação …