Piloto da Sauber Karting Team foi o sexto colocado na Pré-Final e valorizou estar sempre entre os primeiros dos 108 pilotos da categoria Mini; próxima etapa do WSK Super Master será realizada entre os dias 5 e 8 de março no Circuito Internacional de La Conca, na Itália

Miguel Costa (Divulgação/RF1)

Mais jovem representante brasileiro em uma academia internacional de pilotos, Miguel Costa foi mais uma vez um dos destaques do WSK Super Master, que teve sua segunda etapa disputada no último final de semana em Lonato, na Itália. Mesmo com algumas infelicidades ao longo da etapa, o piloto da Sauber Karting Team foi o sexto colocado na Pré-Final e valorizou estar sempre entre os primeiros dos 108 pilotos da categoria Mini.

“Infelizmente na classificação, perdi minha melhor volta por conta de uma batida na minha frente e acredito que brigaríamos pela vitória se não fosse por isso. Estávamos sempre entre os cinco mais rápidos entre 108 pilotos. Largamos em 12º em todas as baterias e tivemos bons resultados, inclusive com um sexto lugar na Pré-Final. Mesmo com tudo isso, fiquei muito feliz com nosso final de semana e foi mais um aprendizado com certeza”, diz Miguel, que foi campeão rookie do Italiano de Kart em 2019.

Costa teve seus primeiros anos no kartismo competindo nos Estados Unidos, vencendo competições em Miami, na Flórida. O piloto acumulou ainda bons resultados no Mundial ROK de Kart em 2018 e 2019, ano que se mudou para Europa para competir na Itália.

Em janeiro deste ano, o piloto de 10 anos de idade foi contratado para fazer parte da Sauber Karting Team, vinculada à equipe Alfa Romeo de F1. De volta à Europa após a etapa disputada no SKUSA, o brasileiro é o mais jovem piloto a ter este tipo de vínculo em um programa de desenvolvimento de talentos ligado a um time na principal categoria do automobilismo mundial.

Após vencer em sua primeira etapa com a Sauber, Costa valorizou mais um final de semana de persistência no WSK. “Agradeço muito a todos da Sauber, que tem me ajudado muito e eu tento sempre retribuir todo esse apoio na pista com muita garra. Acredito que pude fazer isso bem nessa etapa e estou bem focado para as próximas. Vamos com tudo para conquistar muitos pódios e vitórias aqui na Europa”, diz Miguel, que compete na categoria Mini.

A próxima etapa do WSK Super Master será realizada entre os dias 5 e 8 de março no Circuito Internacional de La Conca, na Itália.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Londrina volta a receber o Paranaense Light de Kart após meses de espera por conta da pandemia

Primeira etapa será realizada no próximo sábado, dia 3, no Kartódromo Luigi Borghesi Depoi…