Principal Matérias Velocidade na Terra Turismo Clássico Catarinense estreou em Ponta Grossa

Turismo Clássico Catarinense estreou em Ponta Grossa

1.ª Taça Ponta Grossa de Velocidade na Terra 2022, realizada no fim der semana (30 e 31/07), foi sucesso para o público e pilotos do Paraná e Santa Catarina. O evento foi disputado nas categorias Marcas, Old Fusca Velocidade, Kart Cross, com a participação especial da Turismo Clássico Catarinense (TCC – “A”, “GT” e “B”), em a sua terceira etapa do Automobilismo Catarinense. O evento contou com a organização do Automóvel Clube Vila Velha, cronometragem da Cronospeed (SC), supervisão da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA), Federação de Automobilismo de Santa Catarina (Fauesc) e da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA).

Taça Ponta Grossa de Velocidade na Terra 2022 contou com o patrocínio da Oxigênesis Gases Atmosféricos, Madeireira Mandmad, Euro Auto Peças, ARM Manutenção Industrial, Ferro e Aço e Trevo Auto Peças. Depois de dois Treinos Livres e Treinos Classificatórios que foram realizados no sábado (30/07), aconteceu a primeira corrida da Turismo Clássico Catarinense.

Grids de largada:

TCC “A”: 1.º) Hamilton Morsch (PR), 1min05s532; 2.º) Pierre Simão (SC), 1min06s149; 3.º) Laércio Frohlich Jr. (SC), 1min06s186; 4.º) Vithor Colodel (PR), 1min06s349; 5.º) Francis Trennepohl/Davicris de Cristo (Passat 19), SC e PR, 1min09s961.

TCC “B”: 1.°) Fábio Stelle (PR), 1min06s039; 2.º) Fábio Cláudino (PR), 1min06s359; 3.º) Douglas Torres (PR), 1min07s666; 4.º) Rafael Wielevski (SC), 1min09s556; 5.º) Robson Moura (SC), 1min09s795.

TCC “GT”: 1.º) Carlos Roberto Caillot (PR), 1min06s453; 2.º) Cesar Augusto de Paula (SC), 1min07s138; 3.º) Alefer da Costa (PR), 1min07s370; 4.º) Henry Grosskopf (SC), 1min07s980; 5.º) Vanderlei dos Santos (SC), 1min12s132.

Provas TCC

A única prova realizada na tarde de sábado foi a das categorias Turismo Clássico Catarinense (TCC – A, B e GT), com 20 carros em seu grid. A primeira largada nem chegou a completar uma volta, pois um acidente entre os carros de Robson Moura (20), Rafael Wielevsk (88) e Vanderlei dos Santos (27) no fim da reta provocou a bandeira vermelha, que interrompeu a prova. Na segunda largada, Hamilton Morsh (143) manteve a pole position, seguido de perto por Fábio Stelle (31), Laércio Frohlich Jr (71) e Cristiano Colodel (168). As disputas por melhores posições foram constantes nas três categorias. Após 17 voltas de prova, Hamilton Morsch venceu na Geral e na categoria “A”, com tempo de 20min37s431, seguido de Fábio Stelle, a 5s620, Laércio Frohlich Jr, a 6s470, Cristiano Colodel, a 9s686 e Fábio Cláudino, a 18s479. Os três primeiros por categoria foram: “A”: 1.°) Hamilton Morsh; 2.°) Laércio Frohlich Jr; 3.°) Cristiano Colodel. “B”: 1.°) Fábio Stelle; 2.°) Douglas Corres; 3.°) Robson Moura. E GT: 1.°) Fábio Cláudino; 2.°) Carlos Caillot; 3.°) Henry Grosskopf.

Na segunda prova, disputada no domingo, Hamilton Morsh largou na pole position mais uma vez, vencendo de ponta a ponta, com boa disputa pela liderança no início da prova com Fábio Stelle. Os “pegas” por melhores posições foi intenso nas três categorias. Depois de 19 voltas, nova vitória de Hamilton Morsh na Geral, com tempo de 21min59s444, seguido de Laércio Frohlich Jr, a 2s544, Cristiano Colodel, a16s030, Fábio Stelle, a 25s454, e, Douglas Torres, a 32s948. Os três primeiros por categoria foram: “A”: 1.º) Hamilton Morsh; 2.º) Laércio Frohlich Jr; 3.º) Cristiano Colodel. “B”: 1.º) Fábio Stelle; 2.º) Douglas Torres; 3.º) Robson Moura. “GT”: 1.º) Carlos Cailot; 2.º) César de Paula; 3.º) Vanderlei dos Santos.

Resultado final: TCC “A”: 1.º) Hamilton Morsch (PR), 50 pontos; 2.º) Laércio Frohlich Jr. (SC), 44; 3.º) Cristiano Colodel (PR), 42; 4.º) Francis Trennepohl/Davicris de Cristo (Passat 19), SC e PR, 38; 5.º) Rodrigo Pupo (SC), 38. TCC “B”: 1.°) Fábio Stelle (PR), 50 pontos; 2.º) Douglas Torres (PR), 44; 3.º) Robson Moura (SC), 42; 5.º) Rafael Wielevski (SC), 39; 5.º) Marcos Sommer (SC), 20. TCC “GT”: 1.º) Carlos Roberto Caillot (PR), 47 pontos; 2.º) Fábio Cláudino (PR), 45; 3.º) César de Paula (SC), 42; 4.º) Vanderlei dos Santos (SC), 39; 5.º) Henry Grosskopf (SC), 21.

Classificação da TCC

Com três etapas realizadas e seis provas disputadas, a classificação da Turismo Clássico Catarinense (TCC – A, B e GT), por categoria é a seguinte:

TCC “A”:

1.º) Hamilton Morsch (Gol 143), Palmeira (PR), 168 pontos;

2.º) Laércio Frohlich Jr. (Gol 71), Joinville (SC), 167;

3.º) Francis H. Trennepohl (Passat 19), São José (SC), 153;

4.º) Rodrigo Pupo (Zé do Caixão 211), São Bento do Sul (SC), 149;

5.º) Daniel Chimelli (Gol 40), São Bento do Sul (SC), 98.

TCC “GT”:

1.º) Cesar Augusto de Paula (Gol 111), Barra Velha (SC), 161 pontos;

2.º) Henry Grosskopf (Brasília 3), São Bento do Sul (SC), 150;

3.º) Fábio Claudino (Chevette 301), Mandirituba (PR), 117;

4.º) Alefer da Costa (Chevette 50), Curitiba (PR), 114;

5.º) Roberto Caillot (Chevette 1), Guarapuava (PR), 99.

TCC “B”:

1.º) Rafael Wielevski (Chevette 88), Mafra (SC), 162 pontos;

2.º) Robson Moura (Chevette 20), Curitiba (PR), 158;

3.º) Douglas Torres (Chevette 33), Curitiba (PR), 140;

4.º) Marcos Sommer (Chevette 35), São Bento do Sul (SC), 114;

5.º) Fábio Stelle (Chevette 31), Palmeira (PR), 103.

MRT – Marketing Racing Team

Fotos: Victor Lara

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja também

Sportbay Macacolama 2022 terá sorteio de mais de R$ 200 mil em prêmios

Encontro de trilheiros chega a sua quarta edição e promete agitar Cajati (SP) entre os dia…