Estreante na principal categoria do país, piloto da Toyota Gazoo Racing / Full Time Sports já disputou uma prova na pista paulista em 2007 pela Super TC 2000

Piloto argentino já correu na pista paulista pela Super TC 2000 (Carsten Horst / Hyset)

A estreia do argentino Matias Rossi na Stock Car, no mês passado, em Goiânia (GO), teve uma enorme repercussão em seu país, inclusive com a transmissão ao vivo das provas por um canal de TV argentino. Multicampeão da TC e Super TC 2000, o piloto oficial do programa Toyota Gazoo Racing também esteve entre os mais votados na eleição para o Fan Push e deixou a pista impressionado com a competitividade da categoria brasileira.

A bordo do Corolla #117 da equipe Full Time Sports, dirigida por Maurício Ferreira, Rossi terminou as duas provas em Goiânia na 11ª e 12ª posições. O objetivo agora é evoluir nas duas corridas que serão realizadas neste fim de semana em Interlagos, São Paulo. A primeira delas valerá como a 2ª etapa do ano, com prova única de 40 minutos e mais uma volta no sábado (22). A segunda será a Corrida do Milhão Solidário e sua disputa acontecerá no domingo (23). Este ano, ao invés do prêmio milionário para o vencedor da etapa, haverá doações no valor equivalente pelas empresas patrocinadoras da corrida, para ajudar vítimas da pandemia do coronavírus.

Rossi permaneceu no Brasil e esteve em trabalho constante na sede da equipe Full Time, em Vinhedo (SP), além de cuidar da parte física e realizar treinos com o simulador. A pista de Interlagos não será novidade para o piloto, que já correu no autódromo em 2007 pela Super TC 2000, quando largou e chegou na segunda posição.

“A etapa de Goiânia foi muito legal e já me mostrou toda a competitividade da Stock Car. Todos os carros muito próximos”, ressaltou o piloto, que no classificatório conseguiu um excelente oitavo lugar no grid.

Matias Rossi: expectativa boa para Interlagos (Carsten Horst / Hyset)

“Preciso evoluir nas corridas, porque são muito diferentes das provas na Argentina. A estratégia aqui conta muito, além da boa utilização do push-to-pass (botão de ultrapassagem). Os pilotos da categoria já entendem muito bem os momentos corretos para aciona-lo”, lembrou.

“Interlagos é um circuito que eu gosto muito. Não vejo a hora de poder acelerar. Segui no Brasil, fazendo simulador na equipe, olhando as câmeras on board, todos os dados e trabalhando com os engenheiros”, contou o piloto, que está em 11º lugar na classificação do campeonato, com 19 pontos.

Rossi também comentou que ficou surpreso com toda a repercussão de sua estreia na Stock Car em seu país. “O retorno na Argentina foi enorme, mais do que o esperado. Como as corridas ainda não foram retomadas por lá, foi muito importante para todos nós que estamos envolvidos no projeto Toyota Gazoo Racing ter a Stock Car transmitida. O impacto foi muito bom, muita gente assistiu e isso deve se repetir em Interlagos. Nas redes sociais, o retorno também foi muito grande”, disse.

Para este fim de semana, a votação do Fan Push valerá apenas para a Corrida do Milhão, com todos os pilotos habilitados. Por isso, Rossi estará novamente na disputa pelos votos dos fãs, para ter um acionamento a mais do botão de ultrapassagem. Em Goiânia, ele foi o quarto dos seis pilotos mais votados e que receberam o “prêmio”.

“O voto do Fan Push foi muito importante em Goiânia e sempre ajuda. Vamos seguir trabalhando com a nossa torcida na Argentina e aqui também para ganhar. Ele pode ser determinante para um bom resultado. Agradeço muito a todos que já me apoiaram em Goiânia e vamos tentar estar entre os eleitos em Interlagos novamente”, completou o piloto de 36 anos.

Assim como em Goiânia, em Interlagos, todos os pilotos, equipes e profissionais envolvidos na organização e atividades da Stock Car deverão seguir um rígido protocolo de segurança sanitária, com a apresentação de testes negativos para RT-PCR, entre outros. Em virtude da pandemia do coronavírus, a entrada do público também não será permitida.

As atividades de pista terão início com treinos livres na sexta-feira. No sábado, o grid da 2ª etapa será definido às 9 horas, com a corrida às 11 horas (ao vivo no SporTV 2). No domingo, a tomada de tempos será às 8h15 (SporTV 2) e a largada da Corrida do Milhão Solidário ao vivo na TV Globo, a partir das 10h10.

Para votar no Fan Push, acesse: www.stockcar.com.br/fanpush

Confira a programação em Interlagos:

Sexta-feira, dia 21
9 às 9h15 – Shakedown
10 às 11h10 – Treino Livre 1
14 às 15h10 – Treino Livre 2

Sábado, dia 22
9h00 – Treino Classificatório 2ª etapa – SporTV 2
11h00 – Largada 2ª etapa (40 minutos + 1 volta)- SporTV 2

Domingo, dia 23
8h15 – Treino Classificatório Corrida do Milhão Solidário – SporTV 2
10h10 – Largada Corrida do Milhão Solidário (40 minutos + 1 volta) – TV Globo

Classificação do campeonato, após a 1ª etapa:
1 Rubens Barrichello (Full Time Sports/Corolla), 38
2 Daniel Serra (Eurofarma-RC/Cruze), 34
3 Thiago Camilo (Ipiranga Racing/Corolla), 31
4 Ricardo Zonta (RCM Motorsport/Corolla), 30
5 Ricardo Maurício (Eurofarma-RC/Cruze), 30
6 Cacá Bueno (Crown Racing/Cruze), 29
7 Allam Khodair (Blau Motorsport/Cruze), 26
8 Cesar Ramos (Ipiranga Racing/Corolla), 26
9 Átila Abreu (Shell V-Power/Cruze), 22
10 Nelson Piquet Jr (Full Time Bassani/Corolla), 20
11 Matias Rossi (Full Time Sports/Corolla), 19

Saiba mais sobre a equipe Full Time Sports:
http://fulltimesports.com.br
Instagram: @fulltimesports
Facebook: https://www.facebook.com/fulltimesports10

Por Fernanda Gonçalves

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Felipe Drugovich volta ao palco de sua 3ª vitória na Fórmula 2 para disputar a última rodada do ano

Categoria de acesso à Fórmula 1 se despede da temporada competindo em circuito externo no …