Jovem talento do kart se destacou em todas as cinco etapas do campeonato no meio de grandes estrelas como Felipe Massa, Rubens Barrichello e Enzo Fittipaldi, terminando a disputa em sétimo lugar entre 53 pilotos inscritos

Miguel Costa (Divulgação/RF1)

Miguel Costa foi a grande sensação entre os jovens pilotos do Desafio Virtual das Estrelas. Com 11 anos, o destaque do kartismo internacional fechou a última etapa em Interlagos com a pole position na corrida 2 e a sexta colocação na mesma prova. Na corrida 1, Miguel conquistou o top-10, fechando assim o campeonato na sétima colocação geral entre os 53 participantes. Ele também foi o único piloto a conseguir 9 top-10 nas 10 corridas.

“Fiquei muito feliz por ter sido convidado por grandes pilotos para o Desafio Virtual das Estrelas e me desenvolvi bastante ao longo do campeonato. Os resultados foram bons e com certeza seguirei participando de mais campeonatos virtuais ao longo da minha carreira”, diz Miguel, que tem patrocínio de Baked Potato e Participa.

Integrante da Sauber Karting Team, Miguel é o mais jovem brasileiro a participar de uma academia internacional de pilotos ligada com uma equipe de F1, a Alfa Romeo. Nas próximas semanas, Miguel continuará em seus treinos de kart. O piloto voltou recentemente aos treinos presenciais nos EUA, enquanto as competições na Itália ainda não retornaram.

“Nos EUA, os treinos estão liberados e alguns campeonato estão começando a voltar também. Enquanto a Itália ainda tem medidas um pouco mais restritivas, vou me preparar aqui em Miami, onde também tenho muito apoio da minha família”, diz Miguel, que foi campeão rookie no Italiano de Kart em 2019.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Em Goiânia, Léo Sanchez mira Top 3 da classificação

A Porsche GT3 Cup chega à Goiânia, neste fim de semana para a disputa da quinta etapa da t…