Pela primeira vez a AM Motorsport/Império Truck Racing estará com seus caminhões na cidade de Guaporé (RS). Nesta sexta-feira (13), serão iniciadas as sessões de treinos livres, e o time vai em busca do melhor acerto para colocar os pilotos André Marques e Wellington Cirino no pódio.


“É uma pista desafiadora, que não dá margem para erro e que o ajuste do caminhão conta muito. Vamos ter que gerenciar o máximo possível entre ajuste, desgaste de pneus e risco, para ter um bom desempenho nas corridas em Guaporé”, avalia Franz Schmidt, gerente da equipe.

O primeiro teste para os caminhões Mercedes-Benz serão na manhã desta sexta-feira, com a realização da sessão 1 de treinos livres.

“Já tivemos uma boa leitura do caminhão na etapa passada, mas é um trabalho de corrida à corrida. Aqui em Guaporé, sabemos que temos muitos desafios, mas também temos um equipamento bastante confiável na mão. Para um circuito técnico como este, é primordial estar com o melhor acerto”, conta Wellington Cirino, piloto que Mercedes-Benz #06 com as marcas da Dopamina Energy Drink.

André Marques, piloto e dono de equipe, assegura que todo o trabalho na sede do time foi realizado. Agora, é na pista que a coisa vai se resolver.

“Já temos uma ideia do que fazer para iniciar os ajustes. Mas tudo pode ser alterado. Chegamos com uma temperatura bastante alta, oque não é muito normal por aqui e que pode influenciar bastante”, avalia o piloto do truck 77.

Temperatura
A chegada em Guaporé foi sob um calor de 33 graus, o que deve continuar para esta sexta-feira. Porém, o cenário pode alterar no sábado, justamente no horário do treino de classificação, com previsão de chuva.

Franz Schmidt coordena os trabalhos de acerto nos caminhões da AM Motorsport Crédito: RR Media/Rodrigo Ruiz
Altas temperaturas devem marcar abertura de treinos em Guaporé. Crédito: RR Media/Rodrigo Ruiz
Cirino venceu prova de caminhões e pode encurtar trabalho de ajustes. Crédito:RRMedia/Rodrigo Ruiz