A assembleia de Prestação de Contas foi realizada no último sábado, na sede da FPrA, em Curitiba

Gatti fez uma explanação das contas na assembleia dirigida por Odivaldo Alves, presidente do Automóvel Clube de Ponta Grossa

Por unanimidade, os clubes seguiram a recomendação do Conselho Fiscal e aprovaram as contas do atual exercício da gestão Rubens Gatti à frente da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA). A assembleia foi dirigida por Odivaldo Alves, presidente do Automóvel Clube de Ponta Grossa.

O presidente Rubens Gatti fez uma explanação das contas, detalhando pontos que considerou de grande relevância. Ele informou aos clubes, que depois de 15 anos, a FPrA fechará o ano no vermelho e detalhou que isso se deve a crise econômica por que passa o País, que levou a diminuição do número de pilotos e a não realização de eventos nacionais no Paraná, como duas etapas da Fórmula Truck, duas da Porsche e o Festival de Arrancada. “Vamos torcer para que a situação do País melhore para 2018, mas já trabalhamos em algumas alternativas para reverter o quadro. Elas serão discutidas com os clubes nas reuniões de janeiro e fevereiro”, completa Rubens Gatti.