O piloto e empresário curitibano Alexsandro Amazonas (CSM/AD9 Comunicação/Restaurante Ampan/ASA – Auto Socorro Araucária/DNA da Pizza/Salubi Iogurte/Auto Stilo/Promercado), ficou em quarto lugar na categoria Super Fórmula Tubular, durante a sétima etapa do Campeonato Catarinense de Velocidade na Terra, em São Bento do Sul, realizada no fim de semana. Amazonas competiu com preparação da Potenza Racing, no fórmula n.º 304, largando da sétima posição e recebendo a bandeirada final em quarto na sua categoria e em quinto na Geral.

Como o sábado (18/11) amanheceu com chuva em São Bento do Sul, os treinos livres e classificatórios só foram realizados na parte da tarde. No primeiro treino livre, o piloto paranaense Alexsandro Amazonas (CSM/AD9 Comunicação/Restaurante Ampan/ASA – Auto Socorro Araucária/DNA da Pizza/Salubi Iogurte/Auto Stilo/Promercado), marcou o quinto tempo em 1min32s115. No segundo treino livre, foi novamente o quinto colocado, marcando 1min29s301. Amazonas foi para o treino classificatório tentando ficar entre os três primeiros, mas teve problemas e ficou apenas na sétima posição, com o tempo de 1min29s208.

A largada da prova da Super Fórmula Tubular aconteceu às 13h54min54s de domingo (19/11), para 20 minutos mais uma volta de corrida. Alexsandro Amazonas foi para prova de recuperação e conseguiu superar dois adversários, concluindo a disputa em quinto lugar na Geral e quarto em sua categoria. “Por causa da chuva no sábado, tivemos pouco tempo para acertar o carro para a corrida. Mesmo assim, o quarto lugar foi bom para quem estava ha tanto tempo sem andar. Agora vamos nos preparar para a próxima etapa em Joaçaba, que será válida pelo Brasileiro de Terra e certamente estará muito competitiva também, com os melhores pilotos da modalidade querendo vencer em solo catarinense”, declarou Alexsandro Amazonas (CSM/AD9 Comunicação/Restaurante Ampan/ASA – Auto Socorro Araucária/DNA da Pizza/Salubi Iogurte/Auto Stilo/Promercado).

– Resultado final –

            Após 14 voltas, o resultado final da prova da categoria Super Fórmula Tubular foi a seguinte: 1.º) João Pedro Morato, 14 voltas em 22min37s069; 2.º) Luís Cesar, a 0s883; 3.º) Rafael Schuhli, a 5s340; 4.º) Alisson Marçal, a 15s779; 5.º) Alexsandro Amazonas, a 20s860; 6.º) Juliano Tieppo, a 22s710; 7.º) Ricardo, a 23s074; 8.º) Jorge Garcia, 23s140; 9.º) Silvio Ricardo, a 53s045; e em 10.º) Rogério Schuhli, a 1min24s766. A oitava e última etapa do Catarinense de Automobilismo está marcada para os dias 9 e 10 de dezembro, em Joaçaba, válida também pelo Brasileiro de Velocidade na Terra 2017.

Por Bispo Neto
Foto: Victor Lara